Nota de repúdio ao jornalista Antônio Giron relativo a reportagem:”Dê adeus ás bibliotecas”publicada revista Época.

16 05 2012

Sr. Luis Antonio,

Sou acadêmico de Biblioteconomia e venho através deste relatar minha nota de repúdio referente à sua matéria sobre a classe bibliotecária e a função das Bibliotecas públicas no nosso país (Dê adeus ás bibliotecas, – http://revistaepoca.globo.com/cultura/luis-antonio-giron/noticia/2012/05/de-adeus-bibliotecas.html)  quando afirma que a classe é caracterizada por uma “descortesia típica”, no meu entendimento o senhor não deveria generalizar, pois não são todos que agem da mesma forma, muitos profissionais, apesar da grande desvalorização, quando se trata em educação, e poucas políticas públicas existentes em relação a leitura no nosso país, buscam cumprir sua missão através das palavras do juramento da profissão: “Prometo tudo fazer para preservar o cunho liberal e humanista da profissão de Bibliotecário, fundamentado na liberdade de investigação científica e na dignidade da pessoa humana”.
Juramento esse que serve para nortear e lembrar o bibliotecário da sua importância e missão diante das dificuldades encontradas no seu percurso profissional.
Desconheço os motivos pelos os quais a biliotecária o tratou dessa forma, ou não permitiu o seu acesso a uma parte especifica do acervo, assim como sei que desconhece a verdadeira missão e função da classe bibliotecária.
Trabalhar em uma Biblioteca Pública e conseguir que ela cumpra seu objetivo para a sociedade  é um grande desafio, por falta de investimentos, manutenções, atualizações de acervos, dentre outras coisas que são necessárias para o funcionamento de um Orgão. E o que o bibliotecário pode fazer  diante desse grande desafio? ultilizar as poucas ferramentas e incentivos que possui para realizar o seu trabalho. Alguns estão saturados diante a esse descaso, mas claro que não justifica, é um fato que acontece em todas as profissões.
Se fosse fazer a mesma avaliação de todas as profissões e lugares em que não percebi uma ética profissional, certamente estaria frustado! Muitos hospitais que possuem pessimas infraestruturas, inábitaveis para qualquer ser humano, péssimo atendimento, onde os médicos se quer se importam realmente com o problema do paciente e ficam aliviados ao ver os mesmos irem embora independente do seu estado, contribuindo para o caos da saúde – ao me deparar com isso não julgo toda classe da saúde, mas acredito que outros lugares possuem outros profissionais  que fazem por amor. Profissionais de comunicação que manipulam as informações privando os cidadões daquilo que realmente devem saber e colocando seus pontos de vista como realidade incontestável. Dentre vários outros exemplos, que poderia passar o dia citando, mas que não valeria a pena, pois em todas as profissões sempre tem aqueles que trabalhem por amor e gostam daquilo que fazem.
E sobre as prefeituras desejarem pelo fechamento das bibliotecas, na minha concepção a justificativa não seria essa, e sim que um lugar onde se ensina e disponibiliza ferramentas para educar e politizar um povo não é bem vindo, pois serve como ameaça e quebra de alienações existentes.
A Bibliotecas poderão, sim, utilizar os meios da internet para a disseminação da informação, mas não irão substituí-las, tenho essa certeza ao lembrar do papel da Biblioteca Publica em um dos municípios do Maranhão que tive a oportunidade de trabalhar, pois era nesse lugar, às vezes escuro, úmido, um pouco desconfortável, onde o computador era apenas um sonho distante, mas lá  tudo era esquecido ao atender familias de pescadores que moravam perto do local, era na Biblioteca que todos tinham acesso à informação, através de rodas de leituras, dentre outras atividades e materiais que se não fosse a mesma aqueles usuários não teriam acesso.
Dessa forma, encerro a minha fala ao dizer que, para sua tristeza, as Bibliotecas servem para muitas pessoas. Não tenha seu padrão de vida como realidade universal, muitas pessoas na sociedade só possuem o acesso a informação porque bem próximo delas existem Bibliotecas que – apesar dos pesares – cumprem sua missão.

Att,

Edilson Reis

Anúncios

Ações

Information

9 responses

16 05 2012
Bibliotecária Escandalosa

Falou tudo, gatão!!!!!

16 05 2012
poliana

Estou satisfeita e orgulhosa do seu posicionamento diante da critica deste cidadão , ele infelizmente desconhece as nossas dificuldades , acredito que após a leitura “talvez” ele reflita a respeito do erro que escreveu, você foi incrívil ao debater este tema com sensibilidade , amadurecimento , sem perder a compostura , parabéns !
Poliana Jansen

17 05 2012
Mônica Nascimento

Muito bem!!!!
Agradeço pelo repúdio,Edilson Reis.
Mas eu quero saber msm o que o Conselho Regional e o Federal vão fazer, quanto a isso.

18 05 2012
Sandra Gleice

Concordo e apoio o colega Edilson, essa reportagem é um verdadeiro absurdo. É lamentável que ainda existam pessoas com essa percepção.

18 05 2012
Sandra Gleice

Apoiado Edilson, precisamos mostrar os desafios enfrentados pela nossa classe.

18 05 2012
Sidney sanches

Como o Luiz antonio Giron prova que a pessoa que o atendeu é Bibliotecária, poderia ter outra função ?

18 05 2012
Sidney Sanches

Acho, que toda classe deve pedir ao CFB ingressar com uma ação coletiva por danos morais em favor de todos profissionais.

20 05 2012
Debora Do Nascimento

o CFB divulgou uma nota: http://blog.crb6.org.br/oficio-do-conselho-federal-de-biblioteconomia-em-resposta-a-coluna-de-adeus-as-bibliotecas-de-luis-antonio-giron-publicada-na-revista-epoca/
bem como outros profissionais também se manifestaram. Fico feliz que todos estejam saindo de suas posições confortáveis pra se manifestar.

http://bibliotecno.com.br/?p=2206

23 05 2012
ZENILDA MONTEIRO

É isso aí EDILSON, faço curso técnico de biblioteconomia, e não concordo com a desvalorização caracterizada por este Sr que generaliza os profissionais como se todos fossem iguais, se por ventura alguém o destratou isto não quer dizer que os outros também o farão. Afinal, e nós outros que sentimos prazer no que fazemos e temos a educação como base para um bom atendimento? Vamos aceitar assim essas críticas descriminatórias?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: